A crise na Catalunha está a fazer disparar a popularidade do Ciudadanos. O partido centrista, fundado em 2006, em Barcelona e que fez campanha contra a independência da região já atingiu os mesmos índices de popularidade dos socialistas do PSOE.

De acordo com o jornal El País, se Espanha fosse nesta altura a eleições gerais, o partido de Albert Rivera conseguiria 22,7% dos votos, ficando desta forma empatado com o PSOE enquanto segunda maior força política do país.

Os dados resultam de uma sondagem que volta a dar ao PP de Mariano Rajoy o papel de principal força política e atira o Podemos de Pablo Iglesias para o fundo da tabela.

COMENTÁRIOS

Atenção: este é um espaço público e moderado. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.